Fique por dentro: Luan Santana participa da JMJ 2013

Os Atos Centrais da Jornada Mundial da Juventude contarão com a participação de Luan Santana, Fafá de Belém, Tony Ramos, Cássia Kiss, Eriberto Leão, Murilo Rosa, Lívia Aragão, Ana Maria Braga e mais de 300 cantores da música católica mundial. A divulgação foi feita pela organização do evento durante uma coletiva realizada na manhã desta quinta-feira (27/06).

Os principais atos são a Missa de Abertura, Cerimônia de Acolhida, Via Sacra, Vigília e Missa de Envio. Copacabana, na Zona Sul, e Guaratiba, na Zona Oeste do Rio, serão os grandes palcos das atrações artísticas. A programação inclui uma série de atrações culturais, com música, dança e do teatro, envolvendo aspectos da cultura e da fé católica no Brasil e no mundo. No total, serão quase 800 artistas entre cantores, dançarinos, atores e músicos.

O que é a Jornada Mundial da Juventude (JMJ)?

Criada pelo Papa João Paulo II, em 1984, a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) é o maior encontro internacional de jovens com o Papa. A última edição, em 2011, reuniu mais de 2 milhões de pessoas em Madri. Realizado a cada três anos, o evento mudou de data para não coincidir com a Copa do Mundo, em 2014. Leia mais

Ulysses Cruz é o diretor artístico da Jornada Mundial e falou que a inspiração de todos os atos é a arte contemporânea. Segundo ele, Luan Santana foi escolhido porque é uma figura jovem. Além de cantar na Vigília, Luan será um dos 50 integrantes que montarão simbolicamente uma igreja, durante encenação no palco de Guaratiba. O ator Tony Ramos também estará em Guaratiba e abrirá um momento de reflexão.

Guaratiba

Já em Guaratiba, dia 27, o cantor Luan Santana se junta ao time de artistas católicos, como padre Marcelo Rossi, padre Reginaldo Manzotti, Irmã Kelly Patrícia e Banda Dom, Tony Alisson. Ele vai cantar a Oração de São Francisco para homenagear o Papa. Serão 13 shows com cerca de 50 atrações reunidas.

“Luan é um dos voluntários da Jornada Mundial. Foi a forma que a igreja encontrou de ter uma participação jovem. Nós o convidamos porque ele é um exemplo, não está envolvido em escândalos, tem uma trajetória bonita, era um menino pobre e se superou. Como trabalhei no Criança Esperança, eu conheço todos esses artistas, mas ele eu sei que canta de verdade. Ele fará uma versão sinfônica, diferente de tudo que ele já fez. Os arranjos vêm lá do tempo de São Francisco. ”, disse o diretor Ulysses Cruz.

Fonte: Andressa Gonçalves G1 (Rio)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: